17 fevereiro 2011

E não me sai da cabeça

Os miúdos com leucemia.
Tenho mesmo que fazer a minha parte.
Próximo passo -----> Ser dadora de medula!
(isto tem-me feito andar com um nó na garganta, nem imaginam, eu acho que não sou normal, só pode)

5 comentários:

Cati disse...

Uma criança, um filho assim doente... é mesmo perturbador, só mesmo a ideia, a possibilidade, é de fugir.

:(

Kristianna disse...

Assim que eu for a Portugal, è uma das coisas que tenho que fazer...tenho mesmo, e ja ando a pensar nisto ha imenso tempo, e cada vez que oiço falar de uma criança (e nao so) com leucemia, sinto aquele sentimento de nao missao cumprida...sinto que estou em falta para com essas crianças...
Mas vou faze-lo, isso com toda a certeza!!!
beijos

ESpeCiaLmente GaSPaS disse...

Deve ser uma angustia enorme receber uma noticia dessas...

Nunca doei. Mas acho que todos devíamos faze-lo.

Mommy Kiki disse...

Eu já sou há dois anos! E não custa nada! É só tirar uma amostra de sangue e dar os nossos dados! :)

Pati e Bea disse...

Eu já sou dadora e tornei-me porque fiquei super sensibilizada com um bebé de apenas 8 mesinhos que sofre de leucemia....já custa nas pessoas adultas mas quando é com crianças parece que o meu coração fica pequenino :(