25 julho 2012

E cresce... e cresce... e cresce

Quando fui mãe pela primeira vez embora soubesse que este amor seria enorme, fui surpreendida por um amor avassalador. Ao engravidar pela segunda vez o medo desse amor se dividir chegou a pairar na minha cabeça mas mais uma vez esse amor imenso mostrou-me o quão grandioso pode ser e com a chegada da M. cresceu exponencialmente.
Eu não estava era a contar que esse amor pudesse ser elevado para outro patamar e isso acontece quando vêmos e vivemos isto



Ter o previlégio de assistir ao nascer e crescer do amor que sentem uma pela outra faz com o que sinto por elas seja levado para outra dimensão, é simplesmente transcendental!

6 comentários:

Silvana Santos disse...

A Margarida está cada vez mais parecida com a Beatriz!
E não admira nada que essa amor cresça, tens umas filhotas amorosas!

Tânia ♥ O Nosso Mundo Perfeito ♥ disse...

Que lindas :)

Didi e Pepe disse...

um sonho....dois sonhos lindos realizados!!
muitas felicidades.bjs

Cris ♥ disse...

São tão parecidas!!! E giras que se farta!!!
É um amor único!!

Ana, Rui e Alexander disse...

Que lindas :)

Ana disse...

Como te compreendo. Senti as mesma dúvida e receio, mas fui abençoada, com mais amor. E, sim é maravilhoso ter dois filhos e vê-los a interagir. É indescritível e compensador.
As tuas meninas são lindíssimas :)

Beijinhos